quarta-feira, 27 de março de 2013

Sempre presente






Não me abituo
Á tua ausência
Quando vens
Me tens
Se ausente
Me ausento
Minha ausência de mim
Te aproxima
Pois se me ausento
Te tenho presente por dentro
O pensamento
Preso na tua ausência...



Marcos Segala

segunda-feira, 25 de março de 2013

facho de luz







Agora tenho de novo
Um jardim verdejante
Ante os meus olhos
Almoço
Janto
Me alimento
Num cenário verde
Que me alegra e encanta
Cheio de entusiasmo
Vejo uma folha nova
Despontar
Outra folha se desdobrar
Debruçadas sobre outras
Num desenho estético
Cativante
Lindo
Agora também tenho a ti
Em meus braços
Entrelaço o meu abraço
E durmo acordado
Sonho
Vivo o calor desse aconchego
Me refaço
Força
Riso
Entusiasmo
Nutrientes me acendem pra vida
Estive tão perto de perder tudo isso
Viver é como acender
Uma de luz na escuridão...


Marcos Segala

De volta á tona





Bebo saúde de novo
Sorvo cada bocado
De bem estar
Cada gota
Fresta de luz saudável
Festa
Sol penetrando pela janela
Invadindo a casa
Abrigo
Renovação
Calor
Cura
Depois de tanta ameaça
Respiro alívio
De quem celebra a vida
Numa canção de livramento...


Marcos Segala