sábado, 23 de fevereiro de 2013

noite alta


Finalmente
amanheceu
e vi o clarão da aurora
vindo
lindo
um novo dia
florecer...
   Cheguei a pensar
que não veria
a luz do dia
morreria
...
parece muito solitária
a velha morte
por mais que alcance
gente ao seu alcance
ela parece sempre só
...
desesperei da vida
já em pânico
acordado toda a noite
com medo de dormir
e não acordar mais 
Quero cumprir os meus dias!
...
 Depois despertei
como de um longo sono
    o desespero de um  
   pesadelo vívido
sua mão segurava a minha
e amenizava
a solidão contida
esvaziada na sua mão
a minha dor sentida
....
Acordei!


Marcos Segala 
  
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário