quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

bolhas de sabão



Algumas
situações
de grande apreço
parecem tão frágeis
perecíveis
fulgases
como sonho
de que lembramos
conferido 
ao longo do dia
como lembrança
insistida em se olhar de novo
como renovo avantajado
de outro novo debulhado
no romper do dia
como flores perfumadas
duram horas
pouca vida
como sua mão na minha
e a poesia instalada
nesse momento dentro
pura razão de vida
perdurada
perpetuada
no coração de quem
lida...



Marcos Segala

Nenhum comentário:

Postar um comentário