sábado, 3 de março de 2012

desvendado o rosto








Então
de repente
lhe posso 
me posso
mostrar inteiro
sem véu no rosto
sem desgosto
constrangimento algum
desvendar
revelar
me mostrar
nos olhos cheios
de contentamento
por te ver me olhar
sem que 
enfim
eu tenha que esconder a cara
maquiar sentimentos
despudoradamente!
Ser eu pra você...


Marcos Segala

Nenhum comentário:

Postar um comentário