quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Palavra-Fruta




Mordi
palavras maduras
caldalosas e gentis
Cuspi fora o bagaço
desprovi a parte insipida
amarga
brocada de umas palavras 
de duplo significado
Retive o bom e o bem dessas palavras todas
Sorvi o néctar puro 
da essência doce de outras tantas
que deduzi serem capazes
de provir escritos novos
Salada de Palavras-frutas...
Talhei fatias e outras rimas
liquidifiquei poesias 
com casca e tudo
e de novo separei á parte 
uma outra parte 
menos escrita.
Facas afiadas
Laminas acessas
Filtros
Peneiras
Coadeiras
Línguas sóbrias
dórias
Delírios...
Palavras balbuciadas
no lóbulo da orelha...
Fruta mordida
Filtrando
Peneirando
Coando palavras e bagaços
restos 
cascas e sementes amargas
selecionadas no desejo
do sabor de saber mais
quem sabe mais...


Marcos

Nenhum comentário:

Postar um comentário