quarta-feira, 11 de abril de 2012

fala, eu te escuto







Quando me falas
palavras todas
sejam quais sejam
me chegam
consolo
conforto
alegria
contentamento
soltas pelo ar
ou cochichadas plenas
bem
dentro dos meus ouvidos
fecho os olhos
acredito
assegurar
nenhum dos sons ouvidos
se podem escapar...




Marcos Segala

Nenhum comentário:

Postar um comentário