quinta-feira, 26 de abril de 2012

quietude



Tudo
quieto
parado
como se a realidade
fosse
fotografia
esculpida
e nada acontecesse 
de fato
cronometrado no tempo
existido
no tempo animado
voado...


Marcos Segala

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O mar da minha vida

Fui molhar os pés no dorso pleno do teu rio mar no meu caminho oceano molhei os pés as mãos a nuca o rosto então todo ...